Guitarra, violão e baixo. O único curso direcionado ao seu objetivo.

Aqui você encontrará materiais para leitura, videos e muita informação sobre equipamentos, efeitos e dicas gerais.

Os equipamentos na vida de um músico profissional - Parte 6

Começar de novo Naquele momento eu pensei muitas coisas, deveria recomeçar? Desistir? Eu só fiquei com o violão que era do meu pai, por coincidência, um pouco antes de casar, eu tinha ficado sem alunos, estava muito simples mudar de direção, eu trabalhava como vendedor em uma loja, acontece que a música falou mais alto, comprei uma guitarra bem mais simples do que as que eu tinha, era uma Ibanez S270: Como ainda estávamos tocando em bares, algumas vezes eu utilizava equipamentos emprestados, por uma sorte do destino, um amigo resolveu que queria aprender a tocar violão, eu tinha meio que desistido das aulas, mas ele me encheu tanto que resolvi dar aulas para ele, acontece que ele trouxe um a

Os equipamentos na vida de um músico profissional - Parte 5

Minha primeira gravação em estúdio profissional Depois de muito ensaio, minha banda e eu tínhamos composto algumas músicas legais, resolvemos entrar em estúdio para gravar nossa primeira fita de demonstração (a famosa "demo"), munido de minha Giannini Trilogy e meu Boss PS2 (Pitch Shifter/Delay), gravei minhas primeiras músicas com qualidade. Mandamos nossa fita para algumas rádios de rock e conseguimos até fazer um burburinho nas revistas que sempre colocavam bandas novas, falaram muito bem da gente, mas acabamos aprendendo uma lição importante sobre música autoral, iniciantes precisavam ter dinheiro para divulgação, ou conhecer "alguém" que nos desse uma forcinha, só vontade infelizmente,

Os equipamentos na vida de um músico profissional - parte 4

Minha primeira "quase" Floyd Rose Depois de vender todo meu equipamento (fiquei somente com o ampli, mas ele acabou queimando e acabei vendendo também), achei uma guitarra anunciada no jornal "Primeiramão", eu conhecia esta guitarra de anúncios das minhas revistas, mas nunca tinha sequer chegado perto de uma: Nos anúncios, esta guitarra vinha com ponte fixa, mas parece que alguém colocou esta ponte flutuante nela: Era uma ponte Kahler, concorrente direta na época do lançamento das Floyd Roses. Tive também que arrumar um novo amplificador, só que este foi comprado por uma produtora que resolveu investir na nossa banda, todos os ensaios eram feitos na casa dela. Arrumei um pedal para poder ens

Os equipamentos na vida de um músico profissional - Parte 3

Passado algum tempo, eu consegui juntar dinheiro para comprar meu primeiro pedal, chegando na loja, eu acabei escolhendo um pedal que eu vi propaganda nas minhas revistas, a marca era Vetron e o efeito era de Turbo Overdrive. Como não tive tempo para testes, comprei e levei para testar em casa, ali foi minha primeira decepção com pedais, acontece que o drive era um drive e não uma distorção encorpada para solos como eu esperava, imagino que ligado num ampli legal ele poderia soar bacana, mas não preciso nem dizer que no meu amplificador não deu certo, voltando a loja eu descobri que o Vetron, mais um pouquinho de dinheiro que eu tinha daria para levar dois pedais, como já disse anteriormente

Rod. Castelo Branco, km 196 - Pardinho - São Paulo / CNPJ 32.771.734/0001-60                                                                                                          @2019 by Roberta Peregrinaldi